Como organizar as gôndolas: 6 dicas simples para aumentar suas vendas!

Autor: Casa Magalhães Assunto: Data: 7 de dezembro de 2018
como organizar as gondolas

Várias estratégias são aplicáveis a um supermercado se o intuito é elevar o volume de vendas. Apesar de a tarefa passar despercebida a muitos gestores, organizar as gôndolas pode ser determinante para estimular as compras dos clientes, uma vez que o consumidor é fortemente influenciado pela disposição dos produtos dentro da loja.

Quer lucrar mais em seu supermercado? Apresentaremos, no post de hoje, as melhores dicas para ajudar na reorganização das prateleiras e colaborar com a expansão do volume de vendas. Acompanhe!

Por que organizar as gôndolas do supermercado?

No comércio, atrair a atenção dos consumidores para conseguir fechar boas vendas depende de alguns fatores.

Um bom mix de produtos, preço justo e boas condições de pagamento são estratégias eficientes, mas não são o bastante. Se o ambiente de compras não for visualmente atrativo para o cliente, ele pode acabar saindo de mãos vazias.

Sendo assim, para melhorar o desempenho em vendas, o gestor deve se preocupar com o comportamento de seus compradores.

Quando o cliente procura por um produto, ele percorre os corredores da loja, certo? Para que a experiência de compra seja agradável, as mercadorias devem estar visíveis, seguindo um padrão organizacional. Do contrário, os gastos com divulgação e propaganda podem não surtir o efeito planejado.

Como organizar as gôndolas?

O cliente dificilmente achará o que procura em prateleiras que não sigam um conceito para a disposição dos produtos.

Uma distribuição planejada para expor as mercadorias, por outro lado, não só possibilita que o consumidor encontre mais facilmente o que deseja, mas também, como consequência, eleva as vendas e a credibilidade do supermercado. Aprenda como fazer a melhor disposição com nossas dicas:

1. Controle o uso do espaço

Independentemente das proporções da loja, o supermercado parecerá apertado se a mobília — como prateleiras e gôndolas — ocupar mais do que 40% da área total.

Quando a loja é pequena, alguns truques com espelhos e com a iluminação certa podem ajudar a expandir o aproveitamento do espaço.

2. Dê visibilidade aos produtos certos

A chamada “área nobre” para a organização dos produtos corresponde ao centro e parte superior das prateleiras, já que são essas as áreas enfocadas pelo campo de visão do consumidor.

Dessa forma, se o objetivo é vender mais e melhorar os lucros do supermercado, aproveite para inserir nessas partes os produtos com valor agregado maior, além daqueles mais buscados pelos clientes e que são mais lucrativos para o comércio.

3. Disponha os produtos de alto giro

Onde inserir os produtos com alto giro, mas que possuem menor margem de lucro? A resposta é: fora da “área nobre” mencionada anteriormente. Essas mercadorias devem ser alojadas nas partes inferiores das prateleiras, facilitando assim o acesso do cliente.

Como são produtos de alto giro, ainda que estejam deslocados do campo de visão principal, o consumidor não deixará de procurar por eles antes de se deslocar para outro corredor.

4. Realoque os produtos para crianças

Muitos pais têm o costume de levar seus filhos quando vão realizar as compras no supermercado. Isso também torna as crianças possíveis consumidores, uma vez que é comum que elas peçam aos adultos para comprarem o que querem.

Sendo assim, é hora de pensar como criança e dispor os produtos que as interessam no lugar certo. O que chama a atenção dos pequeninos são as guloseimas e os salgadinhos, especialmente aqueles com embalagens coloridas e bem ilustradas.

As crianças são extremamente visuais e, por isso, vale colocar esses tipos de produtos no campo de visão delas. O ideal são as prateleiras mais baixas, onde elas tenham alcance da mercadoria.

5. Mantenha o sentido direita-esquerda

A tendência é que os clientes em compra caminhem da direita para a esquerda dentro do supermercado, muito por conta do fluxo de movimento.

Por essa razão, os produtos de maior giro e que têm mais chances de venda devem ficar nas gôndolas à direita do corredor. Assim, enquanto o cliente circula pelo supermercado, sua atenção se voltará exatamente para aqueles itens que possuem mais saída.

6. Aplique a verticalização de produtos

Já ouviu falar em verticalização? Essa técnica para organizar as gôndolas vai transformar o seu negócio e criar um ambiente de compras totalmente focado na experiência do cliente.

Trata-se de uma estratégia de disposição que ajuda o consumidor a encontrar exatamente o que deseja nas prateleiras do supermercado. E o melhor: a verticalização não apenas organiza a loja, como também estimula no consumidor a compra de itens diversos, trazendo-os para seu campo de visão.

Não tem mistério: para iniciar a tática no seu supermercado, é só seguir o sentido padrão de leitura. Quando lemos livros, revistas e até anúncios publicitários, seguimos o hábito de leitura ocidental, que vai de cima para baixo e da direita para a esquerda. Assim, nós lemos não somente textos, mas tudo o que está à nossa volta — inclusive na hora de organizar as gôndolas de um comércio.

Tendo em mente o princípio da verticalização, é hora de decidir o padrão de organização a ser aplicado. É possível verticalizar os produtos de acordo com o tipo, cor e tamanho. A melhor escolha só pode ser decidida pelo gestor após estudos e experimentações.

Dispor os itens por tipo — tendo uma prateleira específica para produtos de limpeza, por exemplo — não só permite que o cliente encontre mais facilmente o que busca, mas que outras mercadorias da mesma categoria passem pelos seus olhos, estimulando a compra de certos produtos que não estavam inicialmente inseridos na lista de compras.

Imagine organizar todos os desinfetantes em um corredor e colocar o detergente em um corredor distinto. Isso dificulta a experiência de compras para o consumidor e o dispersa.

Por outro lado, se todos os itens de mesma categoria se encontram agrupados em um corredor, o comprador naturalmente se lembrará e se interessará por aqueles que não estavam nos seus planos de compra iniciais, estimulando vendas maiores.

Como você pode perceber, organizar as gôndolas do supermercado faz toda a diferença no hábito de compra dos seus consumidores, sendo capaz, inclusive, de fidelizá-los ao seu negócio. Gostou das nossas dicas? Já aplicou alguma delas em sua loja? Conte pra gente nos comentários!


Compartilhe:

Outros Artigos Relacionados

Comentários